Posted by on Ago 10, 2014 in Blog | No Comments
Como ganhar a vida como tradutor(a) literário(a)

Como discutimos em um post anterior, a equipe da Bookworm Translations participou do evento The Business of Literary Translation (O negócio da tradução literária) no dia 21 de julho, segunda-feira, em Londres. Nós tivemos a felicidade de participar do workshop ‘Como ganhar a vida’ com Simon Bruni e Alice Guthrie. Juntamos abaixo algumas das recomendações dadas durante o workshop sobre como se manter financeiramente sendo um(a) tradutor(a) literário(a) com a adição de algumas das nossas próprias opiniões.

 

Suplemente a sua renda com traduções comerciais ou outros trabalhos se necessário. Fazer traduções comerciais, ou outras formas de tradução ou interpretação como bico pode fornecer uma renda adicional e manter os seus músculos literários em forma para quando o seu próximo contrato literário chegar. Também não há problema nenhum em fazer outros trabalhos nos quais tenha interesse. Caso tenha experiência profissional como ciclista, pianista, designer de website, chef ou gerente de projetos (a lista é enorme!), você pode trazer esse conhecimento para a sua carreira como tradutor(a) literário(a) ou usar os seus interesses variados como uma folga da tradução.

 

Tenha como alvo as áreas em que há mais necessidade. É importante reconhecer aonde os seus serviços são necessários e ter como alvo direto os clientes desses locais e setores de serviço. Por exemplo, se você se especializa na tradução do espanhol ibérico para o inglês britânico, é mais provável que encontre trabalho na Espanha do que no Reino Unido.

 

Crie uma presença online e uma marca pessoal. Ter um site próprio que mostra o seu portfólio de trabalho e as suas informações de contato é uma ótima maneira de se apresentar de uma maneira profissional e, com sorte, conquistar novos clientes que estejam procurando por um(a) tradutor(a) com as suas capacidades. Como foi mencionado pela Alice, até mesmo algo tão inócuo como uma assinatura de email pode ser importante ao se comunicar com clientes.

 

Certifique-se de que os seus textos, especialmente a sua comunicação escrita com clientes, seja de alta qualidade. É bem simples. Sendo um(a) especialista(a) em língua, a sua comunicação escrita será examinada em detalhe pelos seus clientes – certifique-se de impressioná-los!

 

Seja profissional e confiante nas suas habilidades linguísticas especializadas. Pode parecer óbvio, mas é extremamente importante se apresentar como um especialista na sua área – tradução e linguagem. O seu cliente está entrando em contato porque ele se sente um completo novato e quer alguém em quem podem contar para realizar o trabalho por ele. Certifique-se de ser confiante nas suas habilidades e eles também confiarão em você.

 

Não se venda por menos. Isso vem junto com ter confiança nas suas habilidades e no que você pode oferecer como tradutor. Estabeleça o seu preço e o mantenha. Haverá momentos em que você irá negociar e concordar em baixar o seu preço de acordo com demandas individuais do projeto, mas você ainda pode deixar claro que o que está fazendo é um favor e pode não se repetir no futuro.

 

Esteja disponível no início. O seu tempo é valioso. No entanto, caso seja um tradutor relativamente novo, pode ser do seu interesse dizer sim para projetos que tradutores mais experientes podem rejeitar. Quanto mais experiência tiver e quanto melhor a sua reputação, mais criterioso(a) você poderá ser com as suas escolhas de projetos. Isso também significa responder rapidamente aos pedidos de trabalhos e estar alerta a novas oportunidades. Recomendados aproveitar qualquer oportunidade possível para construir o seu portfólio!

 

Esteja em contato com outros tradutores que você sabe que são excelentes. Mesmo que não tenha tempo para um projeto ou não tenha o conhecimento necessário, você pode conhecer alguém que tem! Nesse caso, você pode fornecer trabalho para o seu colega e cobrar um pouco pelos seus serviços de intermediário. Com sorte, o seu colega irá retornar o favor no futuro.

 

Você tem mais alguma recomendação para ganhar a vida como tradutor(a) literário(a)? Deixe um comentário abaixo!

Leave a Reply